Técnicas de Avaliação de Agentes Ambientais

Técnicas de Avaliação de Agentes Ambientais

Técnicas de Avaliação de Agentes Ambientais: Manual SESI

A razão principal para que a segurança e saúde do trabalho constitua uma clara prioridade para o Serviço Social da Indústria (SESI) é o forte impacto que essa área possui sobre a produção das empresas e sobre a qualidade de vida dos trabalhadores.

Para efetivamente reduzir os inaceitáveis índices de acidentes e doenças do trabalho no País, é preciso agir com competência técnica e de maneira regular em cada ambiente laboral onde existam perigos, sejam eles provocados por agentes físicos, químicos, biológicos, mecânicos ou situações ergonômicas.

É com orgulho que o Departamento Nacional do SESI apresenta esta publicação, Técnicas de Avaliação de Agentes Ambientais — Manual SESI, escrito pelos professores Mario Luiz Fantazzini e Maria Cleide Sanchez Oshiro, em iniciativa estruturada pela Gerência de Saúde e Segurança do Trabalho.

Veja também: Guia Técnico sobre Estratégia de Amostragem e Interpretação de Resultados de Avaliações Quantitativas de Agentes Químicos em Ambientes de Trabalho

 

Trata-se de um texto preciso e detalhado construído no campo especializado da higiene ocupacional. Seus grandes capítulos — a exposição ao calor, as condições de iluminamento, o tratamento das radiações não ionizantes, a avaliação do ruído e das vibrações, a exposição a agentes químicos — têm uma abordagem centrada fundamentalmente no dia-a-dia do setor industrial.

Ao ensinar a melhor forma de identificar eventuais problemas, o SESI facilita, em muito, a tarefa das empresas na busca de soluções adequadas para que tornem seus ambientes de trabalho mais seguros e saudáveis.

Técnicas de Avaliação de Agentes Ambientais

Download Gratuito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.